Treinamento de Potência

Para modelar e desenvolver o corpo, é necessário realizar bastante treinamento de resistência – isto é, o número apropriado de séries e repetições. Mas também acredito que, a menos que você inclua treinamento de força de baixa repetição, nunca alcançará a rigidez e a densidade necessárias para criar um físico de primeira qualidade.

Na época de John Grimek, Clancy Ross e Reg Park, praticamente todos os fisiculturistas treinavam para desenvolver potência. Ser forte era considerado tão importante quanto ter um físico bonito. Mas tenha em mente que existiam naquela época e existem hoje diferentes tipos de força. O lendário Jack La Lanne nunca poderia competir com um Reg Park em uma competição de força de uma repetição, mas Jack poderia continuar realizando flexões de braço na barra fixa e apoio nas paralelas, para cima e para baixo sem parar, até muito além do ponto em que os maiores homens da Muscle Beach desmoronavam de fadiga.

Embora os fisiculturistas dos anos 40 e 50 não tivessem o refinamento total que os fisiculturistas de elite possuem hoje, eles eram indivíduos com físicos extremamente fortes, rígidos e impressionantes. Nos anos 80 tive a impressão de que as coisas passaram dos limites, e os fisiculturistas não estavam levando em conta os benefícios de incluir movimentos potentes tradicionais em seus programas gerais. Hoje em dia parece ter havido uma redescoberta do treinamento de potência pesado. Certamente você não conseguirá ficar tão denso e massudo como Dorian Yates sem trabalhar com muitos pesos alucinantemente pesados.

Arnold no Supino
Com meus braços compridos, realizar supino oito vezes com 181kg adicionais exige muito esforço e concentração

“Se você não realiza levantamentos pesados”, explica meu amigo Dr. Franco Columbu, “isso aparece imediatamente no palco. Há uma aparência frágil que se mostra claramente.” O treinamento de potência submete relativamente poucas fibras por vez a uma tensão muito grande, fazendo com que aumentem e engrossem, e elas também ficam mais compactadas e isso contribui para uma aparência rígida e densa.

Com apenas treinamento de alta repetição, boa parte do crescimento é resultado de fatores transitórios como retenção de líquidos e reserva de glicogênio, mas deixar o músculo tão duro como uma parede de granito por meio de treinamento de potência é resultado real do aumento de tamanho das fibras musculares. Além disso, conforme Franco me disse, as próprias paredes da célula muscular ficam mais grossas e rígidas, assim elas tendem a resistir ao encolhimento.

Os fisiculturistas modernos não podem se esquecer de que a base do fisiculturismo é desenvolver massa muscular levantando pesos pesados. Isso não significa que eu acredito que os fisiculturistas devem treinar como levantadores de peso. Recomendo um programa de desenvolvimento total que inclua um certo número de movimentos de potência para dar-lhe a vantagem de ambos os tipos de treinamento.

Ainda não existem comentários.

Comente!